O assunto é intolerância à lactose

O assunto é intolerância à lactose
  •  

Vamos falar sobre intolerância à lactose. Será que você sabe do que se trata?

É a incapacidade – ou capacidade parcial – de absorver o açúcar presente no leite (e em seus derivados) apresentada por um indivíduo.

As consequências do problema podem ser traduzidas por diarreias, gases, náuseas, vômitos e inchaços, que ocorrem após o consumo dos referidos produtos.

A condição – conhecida, também, como má absorção da lactose – em geral, não apresenta riscos mais acentuados, mas, como deve ter sido possível imaginar, os sintomas são bem desconfortáveis.

Mas, afinal, como acontece a referida intolerância no organismo humano?

O que acontece é que o intestino delgado não produz quantidade suficiente de lactase, a enzima responsável por digerir o leite.

Para que você possa entender melhor, a lactase é responsável por transformar o açúcar em dois tipos diferentes, a glicose e a galactose. Ambos são absorvidos pela corrente sanguínea por meio do revestimento intestinal.

Em casos de deficiência da lactase, o que acontece é que, em vez de serem processados e absorvidos, os componentes lácteos vão para o cólon (que é uma parte do intestino grosso). E quando estão nesta parte do corpo dividem espaço com as bactérias normais do local. É esta junção que causa os sinais e os sintomas da intolerância.

Mas será que há como curar a intolerância láctea.

Resposta direta e reta: não.

Pelo menos não se pode afirmar que exista um recurso terapêutico eficaz para este fim.

Maasss, de acordo com especialistas, é possível conviver – minimamente – em paz com o distúrbio.

Como?

Anote aí: evitando grandes porções de leite e derivados; incluindo pequenas porções dos referidos produtos nas refeições regulares e comendo chocolate / tomando sorvete com baixo teor de leite.

Por último cabe a recomendação, importantíssima: nunca se automedique. Diante de qualquer sinal como os que elencamos busque ajuda especializada, consulte um (a) nutricionista.

 

[Fonte: www.gndi.com.br] 




Ultimas Notícias

Tic tac do corpo humano

Postado por:

Você sabia que, de acordo com a hora do dia, é mais – ou menos – provável que você se machuque ou fique doente?

LEIA MAIS

Dia do Atletismo: qual a origem da celebração deste 9 de outubro?

Postado por:

Durante muito tempo, uma boa parte dos brasileiros celebrou a virada de um ano para o outro atenta ao resultado de uma certa corrida, bem famosa, realizada nas ruas de São Paulo. Atualmente, a tal competição – a São Silvestre – embora ainda disputada no último dia do ano, mudou de horário, mas conserva o posto de representante mais famosa do esporte que celebramos, hoje, em nosso calendário: o Atletismo.

LEIA MAIS

Dormir bem tem relação direta com a boa saúde

Postado por:

Responda rápido: diante da falta de tempo para executar uma tarefa, você, por acaso, já foi perguntado (a) sobre o que faz da meia-noite às seis da manhã? E, como forma de passar adiante tamanho equívoco, já disse por aí, em tom de chacota, para quem quisesse ouvir, que dormir é para os fracos?

LEIA MAIS

Criança também pode ter colesterol alto!

Postado por:

Colesterol alto não é coisa só de adulto. Pode ocorrer em crianças também. E o problema pode ser genético ou deflagrado pelo tipo de alimentação que a criança tem. No segundo caso, a recomendação é que a medição da taxa comece a partir dos 5 anos, com os exames específicos, como o exame de sangue.

LEIA MAIS

Pós-Graduação Unincor - Todos os Direitos Reservados.
POLÍTICA DE TROCA, DEVOLUÇÃO E ARREPENDIMENTO
CNPJ 54.933.536.0001/99